A redescoberta do coco

Água, óleo, açúcar, manteiga, farinha e até leite pronto pra beber. O coco virou febre na dieta e é a nova onda do momento, então que tal conhecer e descobrir como tirar proveito dessa variedade de produtos?!

Água 

agua-de-coco

A água é extraída do coco verde, o seco até possui o líquido, mas ele já é mais gorduroso. Achei super interessante quando li que a água de coco foi usada como soro fisiológico em emergências médicas na Segunda Guerra Mundial. Perfeita pra aliviar o calor ou restabelecer o corpo depois de uma atividade física. Mais que hidratar, ela repõe eletrólitos cruciais ao equilíbrio do organismo. Mas não podemos trocar a água mineral por ela como base de hidratação, ok? Já que ela tem sua dose de carboidratos, além de sódio mesmo que em quantidade inferior. Eu amo água de coco, pra mim ir a praia e não tomar não tem graça! Rsrs…

Óleo 

oleo-de-coco

Sucesso de vendas e um dos itens mais mais controversos e gerador de muita polêmica. O uso de óleo de coco foi colocado como solução para o emagrecimento sob a alegação de que sua rápida absorção turbinaria o gasto calórico, mas cientificamente não existe nada comprovado. Existem ainda estudos de que seu uso frequente elevaria o colesterol ruim. Portanto nada de exagerar, o uso com bom senso em receitas está liberado! Já as colheradas diárias e uso de cápsulas são contraindicadas. Uma curiosidade legal é o seu uso no cabelo (umectação), dizem que faz maravilhas. Comprei recentemente pra testar em receitas.

Açúcar

acucar-de-coco-00

Obtido através das flores da palma do coco, também entrou na moda (apesar de não ser tão conhecido como o óleo). O motivo? Ele seria mais natural e mais saudável que o açúcar branco, que vem da cana. Além disso, ele possui vitaminas e minerais, mas para alguns nutricionistas em uma dieta equilibrada esses nutrientes não fariam diferença. Também se divulga bastante que ele tem baixo índice glicêmico e reduz os picos de glicose no sangue, porém essa é mais uma propriedade polêmica. Por isso esse açúcar também deve ser consumido sem excessos! O preço dele costuma ser bem mais caro, então melhor o mascavo que é mais saudável e mais em conta. Eu já experimentei (mas foi ganhado… rsrs) e o sabor é bom.

Leite

leite-de-coco

Aqui não vamos falar do leite de coco que todos já conhecemos no uso culinário, mas da novidade que é uma bebida pronta para consumo. O leite de coco entra no mercado junto aos outros leites de extratos vegetais (de soja, amêndoa, arroz…) e é mais uma opção para os intolerantes à lactose.

Farinha

farinha-coco-620x330

Fonte de fibras, é uma ótima opção para ser usada em bolos, pães e biscoitos como substituto do trigo, podendo também ser consumido com frutas, iogurtes e vitaminas. Em uma pesquisa a UFRJ ofereceu 26 gramas da farinha de coco a mulheres por 3 meses e aliada a uma dieta de baixas calorias constatou-se que ela promoveu a redução nas concentrações de glicose no sangue. Apesar de a pesquisadora não ter notado vantagem com relação ao peso, esse já é um um benefício do produto. Sem contar que a população brasileira é pobre em fibras, e além da obesidade e diabetes, essa carência pode predispor a um risco maior de alguns tipos de câncer.

Manteiga

manteiga-coco

Um produto natural, rico em vitaminas e minerais, fonte de fibra e livre de lactose, glúten e gorduras trans. Apresenta o sabor naturalmente adocicado, podendo ser consumida in natura e em diversas preparações culinárias. É importante não confundir a manteiga de coco com o óleo de coco: a primeira é feita com toda a polpa, enquanto o óleo é a matéria gorda extraída do coco. As propriedades nutricionais são semelhantes, mas os usos culinários diferem e claro, o gosto e textura também. Por ser um produto integral, não deve se exposta à altas temperaturas. Por isso, ela não é recomendada para refogar e fritar alimentos. Essa estou curiosa para experimentar!

E aí, já conheciam as novidades e os novos produtos a base do coco?!

Depois me contem se gostaram e os seus preferidos! 😉

 

Fonte:

Revista Saúde, Edição 407, Editora Abril, Set/2016.

http://www.nemacreditoqueesaudavel.com/2015/10/manteiga-de-coco.html
Anúncios

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s